186836706416119
Kit Maio/2021

Kit Maio/2021

Postado em:
Blog - Kit do mês
- 08/05/2021 13:21:21

Olá, assinantes, esperamos que todos estejam bem. Neste mês, o kit do Clube apresenta queijos de cinco estados diferentes. Vamos a eles!
 
1.No mês passado entregamos o Canastra do Serjão, que tem um perfil mais selvagem com seus mofos na casca. Agora trouxermos o Capão Grande, um Canastra clássico, aquele de casca amarelinha sem mofo.  O queijo é produzido em São Roque de Minas, pelo casal Solange e Carlos, quarta geração de produtores da família. Mais de 150 anos de história! O terroir da fazenda (que fica pertinho do Parque Nacional da Serra da Canastra) e uma queijaria super caprichada dão o toque preciso nesse queijo tradicional!
2.Descendo no mapa, mais um queijo da nossa querida Elisabeth Schober, da “Queijo com Sotaque”, em Santa Catarina. Queijeira francesa com larga experiência em seu país, se apaixonou pelo Brasil e aqui resolveu fincar raízes. Abriu a queijaria em 2013 para produzir receitas inspiradas nos queijos franceses, porém com toque brasileiro. Desta vez o escolhido por nós foi o Serra do Tabuleiro, inspirado na receita do Comté.
3. Do sul para o norte! Chegamos à terra das búfalas! Sabiam que tem mais búfalos(as) de que gente na ilha de Marajó? A família de Marcus e Cecília já tem tradição na criação desses animas, mas a relação com o queijo do Marajótem início a partir do ano 2000, quando Marcus retornou de um período estudando agrobusiness nos Estados Unidos. Na Fazenda São Victor iniciaram a criação de búfalas leiteiras e a produção do queijo do Marajó em 2006. Hoje é o queijo mais premiado da região!
4.O representante paulista é o Duzu, da Queijaria Bela Fazenda. Carolina Vilhena é médica veterinária e filha de fazendeiro. Na infância sempre acompanhava o pai na lida com o gado de corte. Apaixonada pelo clima de fazenda, foi estudar sobre queijos para buscar uma outra relação com os animais. Fez cursos fora do país e começou a fazer seus testes na fazenda em 2017 e logo fundou sua queijaria. Ao longo desses anos a Queijaria Bela Fazenda já elaborou diversos queijos de inspiração europeia, mas sempre com o toque criativo da Carol. É uma importante representante do grupo das novas queijarias paulistas que têm surpreendido o universo do queijo artesanal com muita qualidade e criatividade em seus produtos.
5.Encerramos nosso passeio queijeiro no Espírito Santo. De lá trouxemos o queijo Venda Nova, produzido pelo jovem italiano Amedeo Mazzocco, da queijaria Artelatte, em Venda Nova do Imigrante. Amedeo se juntou com um amigo do pai, que já tinha um terreno na região, e veio de mala, cuia e coragem para o Brasil. Hoje a Artelatte é reconhecida nacionalmente pela produção de seus deliciosos queijos.
 
CAPÃO GRANDE (MG) – Queijo de leite cru de vaca. Maturação média de 50 dias. Casca firme, amarelada, massa branca compacta. Aromas e sabores característicos da região da Canastra.
SERRA DO TABULEIRO (SC) – Queijo de leite de vaca. Inspirado no Comté francês. Maturação média de 6 meses. Casca rugosa de fungos selecionados com sabor levemente amargo. Massa amarelada compacta. Sabor com notas amanteigadas, terrosas e levemente picante. Medalha de prata no Prêmio Queijo Brasil (2014) e bronze (2016).
QUEIJO DO MARAJÓ (PA) - Tipo creme, produzido a partir do leite de búfala, com adição de creme de leite. Massa cozida de coloração branco palha, consistência cremosa que lembra um requeijão de corte. Sabor suave com leve acidez. Queijo Super Ouro no IV Prêmio Queijo Brasil 2018.
DUZU (SP) – Queijo de leite de vaca inspirado nos azuis italianos. Casca com mofos, massa cremosa com veios do penicillium camemberti. O sabor é uma mistura de creme de leite com notas sutis de amargor.
VENDA NOVA (ES) – Queijo de leite de vaca, massa semicozida, inspirado no Asiago italiano, com maturação média de 40 dias. Casca fina amarelada, massa compacta e untuosa. Sabor mais consistente e textura amanteigada.
 
Manter na geladeira (parte menos fria), envolto em filme plástico ou papel manteiga. Retirar da geladeira e da embalagem ao menos uma hora antes de degustar. Podem aparecer pontos de mofo durante o tempo de geladeira. Quando não forem naturais do queijo, basta retirar essa parte. 
Esperamos que curtam a seleção. Boa degustação!

Categorias

Fique informado!

+ Posts

Kit Agosto/2021
Kit Agosto/2021
Kit Julho/2021
Kit Julho/2021
Kit Junho/2021
Kit Junho/2021
Kit Abril/2021
Kit Abril/2021
Kit Março/2021
Kit Março/2021

Receba novidades por email

E-mail cadastrado com sucesso.